ARLA/CLUSTER: A origem das letras CT dos nossos indicativos

José Luís Proença (CT1GZB) ct1gzb netcabo.pt
Domingo, 15 de Agosto de 2010 - 00:44:36 WEST


Boa informação, sim senhor.

Com respeito aos prefixos das matriculas dos aviões, serem quase todas coincidentes com os indicativos de radioamador, foi algo "aproveitado" destas convenções?

Como podem constatar, estes prefixos da aviação, são sobejamente nossos conhecidos do mundo do DX dos radioamadores:
a.. A2 - Botsuana 
a.. A40 - Oman A40 - Omã 
a.. A5 - Bhutan A5 - Butão 
a.. A6 - UAE A6 - Emirados Árabes Unidos 
a.. A7 - Qatar A7 - Catar 
a.. AP - Pakistan AP - Paquistão 


a.. B - China/Taiwan B - China / Taiwan 


a.. C - Canada C - Canadá 
a.. C2 - Nauru C2 - Nauru 
a.. C5 - Gambia C5 - Gâmbia 
a.. C6 - Bahamas C6 - Bahamas 
a.. CC - Chile CC - Chile 
a.. CN - Morocco CN - Marrocos 
a.. CP - Bolivia CP - Bolivia 
a.. CR-M - Macao CR-M - Macau 
a.. CS - Portugal CS - Portugal 
a.. CU - Cuba CU - Cuba 
a.. CX - Uruguay CX - Uruguai 


a.. D - Germany D - Alemanha 
a.. D2 - Angola D2 - Angola 
a.. D4 - Cape Verde D4 - Cabo Verde 
a.. D6 - Comoros D6 - Comores 
a.. DM - ex East Germany DM - ex-Alemanha Oriental 
a.. DQ - Fiji DQ - Fiji 
a.. EC - Spain EC - Espanha 
a.. EI - Ireland EI - Irlanda 
a.. EL - Liberia EL - Libéria 
a.. EP - Iran EP - Irã 
a.. ES - Estonia ES - Estónia 
a.. ET - Ethiopia ET - Etiópia 
a.. EZ - Turkmenistan EZ - Turquemenistão 
a.. F - France F - França 
a.. FO - French West Indies FOR - Antilhas Francesas 


a.. G - United Kingdom G - Reino Unido 


a.. H4 - Solomon Islands H4 - Ilhas Salomão 
a.. HA - Hungary HA - Hungria 
a.. HB - Switzerland HB - Suíça 
a.. HC - Ecuador HC - Equador 
a.. HI - Dominican Republic HI - Republica Dominicana 
a.. HK - Colombia HK - Colômbia 
a.. HL - South Korea HL - Coréia do Sul 
a.. HP - Panama HP - Panamá 
a.. HR - Honduras HR - Honduras 
a.. HS - Thailand HS - Tailândia 
a.. HZ - Saudi Arabia HZ - Arábia Saudita 


a.. I - Italy I - Itália 


a.. J2 - Djibouti J2 - Djibuti 
a.. JA - Japan JA - Japão 
a.. JY - Jordan JY - Jordânia 


a.. LN - Norway LN - Noruega 
a.. LV - Argentina LV - Argentina 
a.. LX - Luxembourg LX - Luxemburgo 
a.. LY - Lithuania LY - Lituânia 
a.. LZ - Bulgaria LZ - Bulgária 


a.. N - USA N - E.U.A. 


a.. OB - Peru OB - Peru 
a.. OD - Lebanon OD - Líbano 
a.. OE - Austria OE - Áustria 
a.. OH - Finland OH - Finlândia 
a.. OK - Czech Republic OK - República Checa 
a.. OM - Slovakia OM - Eslováquia 
a.. OO - Belgium OO - Bélgica 
a.. OY - Denmark OY - Dinamarca 


a.. P2 - Papua New Guineu P2 - Papua Nova Guineu 
a.. P4 - Aruba P4 - Aruba 
a.. PH - Netherlands PH - Holanda 
a.. PJ - Netherlands Antilles PJ - Antilhas Holandesas 
a.. PK - Indonesia PK - Indonésia 
a.. PP - Brazil PP - Brasil 
a.. PZ - Suriname PZ - Suriname 
a.. RA - CIS* RA - CIS * 
a.. RP - Philippines RP - Filipinas 


a.. S2 - Bangladesh S2 - Bangladesh 
a.. S5 - Slovenia S5 - Eslovênia 
a.. S7 - Seychelles S7 - Seicheles 
a.. S9 - Sao Tome S9 - São Tomé 
a.. SE - Sweden SE - Suécia 
a.. SP - Poland SP - Polónia 
a.. ST - Sudan ST - Sudão 
a.. SU - Egypt SU - Egito 
a.. SX - Greece SX - Grécia 


a.. TC - Turkey TC - Turquia 
a.. TF - Iceland TF - Islândia 
a.. TG - Guatemala TG - Guatemala 
a.. TI - Costa Rica TI - Costa Rica 
a.. TJ - Cameroon TJ - Camarões 
a.. TN - Congo TN - Congo 
a.. TR - Gabon TR - Gabão 
a.. TS - Tunisia TS - Tunísia 
a.. TU - Ivory Coast TU - Costa do Marfim 
a.. UK - Uzbekistan UK - Uzbequistão 
a.. UR - Ukraine UR - Ucrânia 


a.. V2 - Antigua V2 - Antigua 
a.. V5 - Namibia V5 - Namíbia 
a.. V7 - Marshall Islands V7 - Ilhas Marshall 
a.. V8 - Brunei V8 - Brunei 
a.. VH - Australia VH - Austrália 
a.. VN - Vietnam VN - Vietnã 
a.. VP-F - Falklands VP-F - Malvinas 
a.. VR-B - Bermuda VR-B - Bermudas 
a.. VR-C - Cayman Islands VR-C - Ilhas Cayman 
a.. VR-H - Hong Kong VR-H Kong - Hong 
a.. VT - India VT - Índia 


a.. XA - Mexico XA - México 


a.. YA - Afghanistan YA - Afeganistão 
a.. YI - Iraq JP - Iraque 
a.. YJ - Vanuatu YJ - Vanuatu 
a.. YK - Syria YK - A Síria 
a.. YL - Latvia YL - Letónia 
a.. YR - Romania YR - Roménia 
a.. YS - El Salvador YS - El Salvador 
a.. YU - Serbia YU - Sérvia 
a.. YV - Venezuela YV - Venezuela 


a.. Z - Zimbabwe Z - Zimbabwe 
a.. Z3 - Macedonia Macedónia Z3 - 
a.. ZA - Albania ZA - Albânia 
a.. ZK - New Zealand ZK - Nova Zelândia 
a.. ZP - Paraguay ZP - Paraguai 
a.. ZS - South Africa ZS - África do Sul 
73 de José Luís Proença - CT1GZB
ARVM # 53
REP # 1418
http://ct1gzb.blogspot.com/
  ----- Original Message ----- 
  From: Radiophilo 
  To: Resumo Noticioso Electrónico ARLA 
  Sent: Saturday, August 14, 2010 1:21 AM
  Subject: Re: ARLA/CLUSTER: A origem das letras CT dos nossos indicativos


  A evolução das séries de indicativos atribuídos a Portugal ainda tem a sua história. Penso que a lista abaixo estará completa e correcta, exceptuando talvez a data do estabelecimento da série CRA-CTZ, em 1912 ou talvez 1913, e a data em que, após 1979, a série CQA-CUZ para Portugal passou a ser uma só.

  1912, Londres (Convenção)
  CUA-CUZ Portugal
   
  1912, Londres (Efectiva)
  CRA-CTZ   Portugal

  1927, Washington
  CRA-CRZ Colónias Portuguesas
  CSA-CUZ Portugal

  Como novidade adicional, o primeiro alfabeto de soletração para radiotelefonia da UIT é estabelecido internacionalmente nesta conferência, mas isso é outro assunto.

  1932, Madrid
  CQA-CRZ Colónias Portuguesas
  CSA-CUZ Portugal

  1938, Cairo
  CQA-CRZ Colónias Portuguesas
  CSA-CUZ Portugal
  XXA-XXZ  Colónias Portuguesas

  Na conferẽncia do Cairo, a série XXA-XXZ foi uma graciosa oferta da França às colónias portuguesas, a pedido do representante destas.

  1979, Genebra
  CQA-CRZ Portugal
  CSA-CUZ Portugal
  XXA-XXZ  Portugal

  2007, Genebra
  CQA-CUZ Portugal
  XXA-XXZ República Popular da China – Macau

  Cumprimentos,
  António Vilela
  CT1JHQ


  2010/8/10 Radiophilo <radiophilo  gmail.com>

    Olha que tema mais interessante!

    Históricamente, a atribuição internacional de indicativos começou com a Conferência Radiotelegráfica Internacional de Londres em 1912. Isto foi ainda antes da UIT tal como a conhecemos, pois as convenções telegráfica e radiotelegráfica, embora irmãs, apenas se viriam a unir na Conferência de Madrid em 1932 da União Telegráfica Internacional. Durante esta importante reunião plenipotenciária, ficou decidido reunir a União Radiotelegráfica Internacional com a União Telegráfica Internacional, criando assim a União Internacional das Telecomunicações.

    Até então, e desde a primeira Conferência radiotelegráfica internacional, realizada em Berlim em 1906 e na qual participara já o Reino de Portugal, os indicativos eram reclamados pelas administrações contratantes junto do Bureau internacional que se encarregava de evitar coincidências de indicativos. A confusão gerada era muita.

    Em Londres, a questão da distribuição dos indicativos de chamada foi entregue a uma sub-comissão técnica. O relatório dessa comissão é muito divertido e valeria a pena detalhar um pouco, mas de interesse para aqui basta referir as seguintes atribuições:
    CQA-CQZ - Mónaco
    CRA.CTZ - Noruega
    CUA-CUZ - Portugal

    O relatório desta sub-comissão é aceite sem discussão pela conferência, que encarrega então o Bureau internacional de "fazer o que for necessário". A tabela de atribuições não é, no entanto, incluída nas actas finais ou no regulamento aprovado, pelo que caberá ao Bureau a sua implementação. Como se verá, esta tabela não viria de todo a ser definitiva, se é que alguma vez entrou em vigor.

    Num livro publicado em 1914, o Dr Pierre Corret esclarece:
    "Como vimos, um grande número de indicativos acabam de ser alterados. A maior parte dos outros sê-lo-ão por sua vez em conformidade com as decisões da Conferência radiotelegráfica internacional de Londres que repartiu entre os diferentes países os grupos de três letras que devem servir de indicativos às suas estações costeiras ou de bordo.
    Eis como foi feita essa repartição:
    <...>
    LAA-LBZ   Noruega
    CQA-CQZ  Mónaco
    CRA-CTZ   Portugal
    <...>

    Esta lista, publicada no Cosmos (nº 1476) de 8 de Maio de 1913, está em desacordo em vários pontos com aquela que se encontra nos Documentos da Conferência radiotelegráfica internacional de Londres.
    <...>
    Mas, contráriamente ao que se poderia esperar, é a lista do Cosmos que parece corresponder à repartição real dos indicativos. Esta não é, aliás, a única incoerência que encontramos nesta questão dos indicativos!"

    Como se pode ver, a série CQA-CQZ começou por ser inicialmente atribuido ao Mónaco, enquanto a série CUA-CUZ não tinha sido atribuida a nenhum país.

    Interessante também notar que as séries de indicativos são definidas em conjuntos de três letras pois já na altura, e desde a conferência de Berlim, estava acordado que as estações costeiras tinham indicativos com três letras.

    Embora nesta altura a convenção apenas regulasse as comunicações radiotelegráficas marítimas não estando contemplado qualquer outro serviço, fará muito em breve 100 anos que Portugal tem os indicativos CT à sua disposição.

    73,
    António Vilela
    CT1JHQ

    2010/8/7 Vítor Oliveira <vitoroliveira2008  gmail.com>:





------------------------------------------------------------------------------


  _______________________________________________
  CLUSTER mailing list
  CLUSTER  radio-amador.net
  http://radio-amador.net/cgi-bin/mailman/listinfo/cluster
-------------- próxima parte ----------
Um anexo em HTML foi limpo...
URL: http://radio-amador.net/pipermail/cluster/attachments/20100815/a15c695e/attachment.html


Mais informações acerca da lista CLUSTER